domingo com o inimigo…

16/03/2010 at 14:42 7 comentários

após 4 ansiosos dias à sua espera ela chegou: viva, hoje é sexta-feira!

melhor dia para sair, beber com os amigos, ou descansar, não há… em seguida vem o sábado que, seja para fazer coisas que a semana não deixa, seja pra trabalhar meio período, ou dormir feito uma iguana cansada, é sempre um bom dia… talvez por isso, um os dos meus personagens de tirinhas favorito, o garfield, sempre vem à minha lembrança (que a infância de hoje não deve nem saber do que se trata), naquela memorável cena que, abraçado a alguma coisa (ops, nem tão memorável assim), pensa ‘amo sábado!’…

são sempre compridos: se você acorda tarde, fica até depois; se cedo, ou dorme no meio pra aguentar até além do de costume, ou parte para o dos justos… até em períodos de ócio (produtivo ou não), ele consegue ser extendido… é um excelente dia!

como o universo precisa se equalizar, vem o domingo…

saindo cedo de casa, indo pra praia, depois almoçando com amigos, fazendo qualquer coisa de tarde, indo pr’um cinema à noite… ao chegar em casa você se depara com a pior companhia desse dia…

ela está lá, te olhando, pedindo para ser abraçada… você nega… chama para se jogar na cama junto a ela, ficarem balanceando a semana, trilhando metas, ajuste do cronograma… mais uma vez, você nega…

o relógio vai somando 1 até que em determinado momento, seja a falta de alguém, ou uma despedida, ou a falta de uma despedida, você se entrega a pior inimiga dos domingos: a solidão…

mas por quê aos domingos? geralmente por ser o final da pausa do dia-a-dia, que nem sempre é conforme gostaríamos… e voltaremos a respirar de forma mais angustiada, das 8 às 5, sem o valor que merecemos, sem ganhar pelo que realmente gostaríamos, ou por acharmos que esses motivos são válidos (embora nem sempre sejam!)… o maior índice de suicídio são aos domingos, após acabar a revista televisiva de curiosidades e fatos da semana (muitos países tem pelo menos um canal com uma [vejam a precisão da informação!]), quando vazio é tomado e a falta de esparança ressurge…

confesso já ter tentado de tudo: ter me cansado o dia todo, não ter feito nada, trabalhado, enchido a cara [que adiantou, fui dormir cedo e com sono, mas no dia seguinte…], viajado…

dessas andanças percebi que a melhor forma de passar por um domingo sem que a segunda-feira te afete é estar bem acompanhado… e essa companhia pode ser você… estar bem consigo é a melhor maneira de combater a solidão…

para fazer isso não é muito difícil, mas é necessário querer… tendo essa vontade, se reinvente, se redesenhe, renove-se, curta-se, melhore, mude… o lado bom disso? não depende, em nada, de mim: só de você…

então, que tal parar de reclamar e começar essa mudança agora?

Anúncios

Entry filed under: Contos / Crônicas. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , .

Espaço democrático… #2 Espaço democrático… #3

7 Comentários Add your own

  • 1. Ingridh  |  16/03/2010 às 15:21

    “se reinvente, se redesenhe, renove-se, curta-se, melhore, mude… o lado bom disso? não depende, em nada, de mim: só de você…
    então, que tal parar de reclamar e começar essa mudança agora?”

    Obrigado!

    🙂

  • 2. Isabella F.  |  16/03/2010 às 15:39

    Obrigada mesmo! Fico feliz que tenha gostado *_*

  • 3. isoca  |  16/03/2010 às 19:04

    Adorei o texto, é mais um dos brilhantes que estava no seu rascunho?

    Li por aí (na verdade sei onde e te digo, mas ‘li por aí’ parece tão descompromissado) que ser infeliz no domingo, é um dos sintomas que existe algo errado.

  • 4. coracaodepoeta  |  16/03/2010 às 20:02

    Pois é, meu amor…

    Mas como achar bom:
    a) ou me despeço de você
    b) ou estou sozinho, sentindo sua falta…

  • 5. Nina Vieira  |  17/03/2010 às 19:03

    Meus domingos acontecem na biblioteca que fica perto da minha casa. Um grande amigo meu trabalha(va) lá.
    Agora vem o tédio.
    E odeio o resto da semana.

  • 6. valetedecopas  |  20/03/2010 às 16:31

    Perfeito!

    Acredito que muitas pessoas passam por isso, algumas conseguem a mudança, outras, infelizmente não.

    Se ocupem! com coisas boas, é claro, daí, o seu domingo, como qualquer outro dia, será sempre o melhor dia da sua vida!
    ame, viaje, aventure-se, curtam enquanto é hora!

    Faustão e Gugu nunca mais!

  • 7. Renata Galvão  |  23/01/2011 às 20:53

    É. Nada melhor do que estar bem acompanhado sempre!
    Viva o domingo! Adorei, CJ! Como sempre…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Coração de Poeta


sou só um mensageiro, um profeta, contador de estórias: coração de poeta

twitter…

Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

flickr...

multi-uni-verse

Boring Dad

Similis vobis

Mais fotos

esperança…


%d blogueiros gostam disto: