parênteses…

26/01/2010 at 08:41 5 comentários

como já deveria ter feito há algum tempo, cá está…

quando namorava a Isis (Vamos ao que interessa! e É pessoal), ela cismou que iria achar a tradução, em outras línguas, para a palavra saudade (que era [não nego que ainda sinto falta] uma constante em nossas vidas) e, segundo ela, achou! em russo! mas achou…

e eu teria que postar essa frase que segue abaixo (as palavras que a própria pedira):

Hoje, minha namorada Isis, descobriu a tradução da palavra saudade, quebrou um tabu nacional, eu apostei com ela que estava errada, não estava, eu disse que era coisa de quem não tinha o que fazer… Estava errado. Minha namorada quebrou um tabu nacional. E eu nem apoiei

bom, não sei russo, logo, sem desmerecê-la, creio que esteja certa… como era uma aposta, tinha que cumprir com a minha palavra e, cá estou eu fazendo…

sem mais…

Anúncios

Entry filed under: -, Revista CDP.

motelidades… o estudo de um trabalho colaborativo…

5 Comentários Add your own

  • 1. Júlia  |  26/01/2010 às 09:38

    aposta é aposta! dever cumprido.

  • 2. coracaodepoeta  |  26/01/2010 às 09:44

    exatamente!
    hehehehe…

    e a amizade continua…

  • 3. isoca  |  26/01/2010 às 10:21

    HAHAHAHAHAHA

    MUUUUITO BOM!
    Tinha até me esquecido dessa história, dever cumpridissimo senhor Luiz Henrique Viégas Dunham!

    Muito bom! E eu não perguntei para aquele tradutor de russo que eu conhecia, mas devo estar certa, tenho fé nisso.

    Como ultimamente o tempo livre tem batido a minha parte, vou estudar isso, se eu estiver errada, me prontifico a fazer um post pedindo desculpas!

    Pode criar um texto para isso, ou não. Eu já teria um na ponta da lingua, depois te conto qual é!

    Beijão Luiz, beijão leitores!

    E não posso negar, estou com um sorriso na boca que pareço ter engulido um cabide.

    Caros leitores, entendam, não é simples fazer o coração de poeta admtir que estava errado.

    :)))

  • 4. coracaodepoeta  |  26/01/2010 às 21:37

    é, não é…

    aposta é aposta… palavra é palavra… hehehe…
    deleiteie-se!

    bjs

  • 5. Ramon  |  23/02/2010 às 20:37

    Johnny, meu brother. Apurei essa informação com fontes internacionais!

    E te digo: A palavra SAUDADE não existe em russo!

    Foi meu amigo da Rússia quem confirmou, e ainda ratificou perguntando para alguns parentes mais idosos.

    Existe um verbo que significa TER SAUDADE, assim como em inglês (o verbo “to miss”), mas a palavra SAUDADE mesmo, não existe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Coração de Poeta


sou só um mensageiro, um profeta, contador de estórias: coração de poeta

twitter…

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

flickr...

multi-uni-verse

Boring Dad

Similis vobis

Mais fotos

esperança…


%d blogueiros gostam disto: