Previsões para vintedez!

05/01/2010 at 15:12 2 comentários

E como já está se tornando um clássico neste blogue, todo ano faço as previsões para o próximo. Pode parecer cara-de-pau dizer que é um ‘clássico’ por este só ter um ano, mas, assim começam eles – fico a imaginar, em 15 anos, por exemplo, meus tantos leitores (e não-leitores, também) a conversar, pelos bares ‘puxa! Você já viu? Sairam as previsões do CDP pra esse ano! – Sério? Vou correndo, ler!’.

E não são muito diferente das do ano anterior, verdade. Mas são complemento, pois, do jeito que foram, serviram, logo, não pretendo deixá-las de lado:

Se um dos lemas (redundante) de 2009 foi ‘Não tolerar o intolerável’, um dos mais fortes de vintedez (mais a frente falarei sobre a origem dessa sigla) não será uma frase, e sim 3 palavras-chave: paciência, empenho e equilíbrio

Continuar plantando: sempre é bom, nem retiro da listinha

Se não estou afim de fazer, não farei: e ponto! Nada me fará mudar – pode me chamar do que quiser

Terminar as coisas começadas: tudo o que, sozinho, foi começado no ano passado, até o meio deste será concluído – e com maestria (por mais presunçosas que essas palavras possam parecer)

Eu posso!: Tudo. E ponto. É só ‘tá afim.

Aceito desafios: e por quê não? Salvo os que não estou afim de fazer

Melhorar o que já sei fazer: e, obviamente, aprender o que não sei – e chegar ao ponto máximo; nível de excelência pro

Continuar sendo político: e mais amável, menos rígido – tentando (sempre) a aceitar as diferenças

Fazer mais: e mais, e mais, e mais!

Cortar o que, e quem, for(em) necessário(s): simples assim – não está fazendo bem: corta / não está indo conforme os conformes: corta / não é assim: corta / E sem mágoas, nem choro – É difícil, mas, verdade

Tirar mais tempo para mim: ver um filme, ler um livro, ficar de papo pro ar

Falar menos de vida pessoal: acredito que tenha, em certos momentos, confundido o objetivo deste blogue com a minha vida, claro que conta para o conteúdo apresentado, mas certas nuances e intimidades não precisam ser divulgadas, logo, posso fazê-lo com mais qualidade e apresentar um conteúdo mais bacana, menos eu, e sim, mais meu trabalho

Retomar (quem sabe?) velhas parcerias: sejam amigos, seja o que for – se deu certo antes, o que impede que dê agora?

Equilibrar: importante

Paciência: necessário

Empenho: fundamental

Neste ano as ‘previsões’ foram mais secas e ríspidas e rígidas e diretas e menos blablablá. Mas não menos carinhosas que as do ano passado e nem deixando de pensar em mim (e em você, claro – caso contrário não divulgaria, seja pra conhecer mais de mim, seja pra tirar alguma para si [por sua conta e risco!]), apenas um ‘roteiro’ de como deverei agir ao longo de vintedez (expressão essa que começou em 2006, o ‘famoso’ projeto vinte-zero-meia que em nada deu porque ninguém se mexeu).

As metas já foram traçadas, os rumos tomados e os objetivos já, já, serão alcançados, disso eu sei (desculpa, de novo, a presunção), mas em meio a isso, muitos amigos continuam a ser cultivados, muitas parcerias bacanas acontecerão e, mais importante de tudo: você, leitor, meu amigo, só terá a ganhar! A aspereza das palavras foram para mim, você só tem a ganhar com a minha amizade (os que já são sabem disso – sorry again!), pois não penso em egoísmo, mas sim, quando almejo uma melhora, creio que sirva também para os que me cercam e, se de alguma forma eu cresço, por tabela, os a minha volta, idem.

Finalizo com as palavras do mestre (Chico) e desejo a todos um excelente vintedez e que venham as parcerias, as colaborações, os contos, as melhorias, o novo layout, as novas seções, as fotos, os desenhos, as pinturas, as camisas, os tênis, os filmes e tudo o mais! Viva vintedez!

Retrato em branco e preto
Tom Jobim – Chico Buarque

Já conheço os passos dessa estrada
Sei que não vai dar em nada
Seus segredos sei de cor
Já conheço as pedras do caminho
E sei também que ali sozinho
Eu vou ficar, tanto pior
O que é que eu posso contra o encanto
Desse amor que eu nego tanto
Evito tanto
E que no entanto
Volta sempre a enfeitiçar
Com seus mesmos tristes velhos fatos
Que num álbum de retratos
Eu teimo em colecionar

Lá vou eu de novo como um tolo
Procurar o desconsolo
Que cansei de conhecer
Novos dias tristes, noites claras
Versos, cartas, minha cara
Ainda volto a lhe escrever
Pra lhe dizer que isso é pecado
Eu trago o peito tão marcado
De lembranças do passado
E você sabe a razão
Vou colecionar mais um soneto
Outro retrato em branco e preto
A maltratar meu coração

Puxa, mas essa música não é pra cima! Gente, vamos inverter, inventar, revolucionar!

Anúncios

Entry filed under: Contos / Crônicas, Projetos Pessoais, Revista CDP. Tags: , , , , , , .

a plausível história do homem que infringiu a lei da gravidade… indubitavelmente e epigastralgia…

2 Comentários Add your own

  • 1. nanda correa  |  05/01/2010 às 21:59

    Johnny o segredo pra vintedez é cuidar do jardim!!!!!!!! rsrsr
    Amigo,2009 me trouxe a nossa amizade e isso pra mim já foi sensacional!!! espero que em 2010 isso só se fortaleça!!!!
    …e se traduza em muitos momentos felizes e é claro muitas artes… ^__^
    bj gigante!!!!

  • 2. coracaodepoeta  |  06/01/2010 às 06:37

    minha amiga (dona do http://kammiatelier.com/), não tenhas dúvidas sobre isso!
    Se 2008 colocou suas artes em meu contato, 2009, você – em vintedez eu estou com pena dos outros pela parceria maravilhosa que a gente vai fazer!

    Beijo enooorme de grande!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Coração de Poeta


sou só um mensageiro, um profeta, contador de estórias: coração de poeta

twitter…

Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

flickr...

esperança…


%d blogueiros gostam disto: